Trem das cores - versuri Caetano Veloso | Versuri.ro
Trem das cores - versuri Caetano Veloso | Versuri.ro
spacer
spacer
spacer
Spacer
  Versuri >> C >> CA >> Caetano Veloso >> Trem das cores
Urmăreşte artist

Versuri Caetano Veloso - Trem das cores


A franja da encosta, cor de laranja
Capim rosa chá
O mel desses olhos luz
Mel de cor ímpar
O ouro ainda não bem verde da serra
A prata do trem
A lua e a estrela
Anel de turquesa
Os átomos todos dançam
Madruga, reluz neblina
Crianças cor de romã entram no vaguão
O oliva da nuvem chumbo ficando pra trás da manhã
E a seda azul do papel que envolve a maçã

As casas tão verde e rosa
Que vão passando ao nos ver passar
Os dois lados da janela
E aquela num tom de azul quase inexistente
Azul que não há
Azul que é pura memória de algum lugar

Teu cabelo preto, explícito objeto
Castanhos lábios
Ou pra ser exato lábios cor de açaí
E assim trem das cores
Sábios projetos tocar na central
E o céu de um azul celeste, celestial






Spacer
Spacer  Caută    cu Google direct


 Traducere automată



Autentificare
Close 


  spacer
Versiunea mobilă | RSS | Arhivă stiri | Arhivă cereri | Parteneri media | Resurse | Condiții de utilizare | Politica de confidentialitate | Contact
 
 

#   a   b   c   d   e   f   g   h   i   j   k   l   m   n   o   p   q   r   s   t   u   v   w   x   y   z